Acabei de descobrir...

Minha foto
É impossível ser sério aos 18* anos , seguindo a risca o que um dia o jovem poeta evocou, sigo vivendo, vendo, e com prepotência analisando . Narciso inconstante me aventuro pelos mundos do teatro e moda. Acostumado com o traço do arquiteto resido em brasília, a infame capital severamente elitista federal. Sem pretensões referentes a minha homossexualidade desorientada vou me descobrindo e me deixando levar pelas vontades, dessas que sempre nos levam a caminhos alternativos. É isso, nascido no dia 18 de junho, me tornei um Geminiano confuso!

terça-feira, 11 de agosto de 2009

Inquieta...Acalme-se!

Muitos dizem que grandes obras e grandes atitudes nascem de nossas inquietudes, seja verdade ou não, venho aqui me deleitar de meus desprazeres e minhas confusões. Parece que nossas estranhezas cotidanas com o tempo tornam-se grandiosas a ponte de nos deixar muitas vezes em ponto de fusão, necessárias as vezes nos tornam enormes ou minúsculos ao olhares de alguns certos cruéis que nos rodeiam e nos atiram pedras, tudo parecese tornar tão eloqüente de um tanto que nos iludimos a ponto de achar que em um simples toque de desligar tudo graciosamente irá por água abaixo, ah a ilusão que nos segue dia a dia, confunde e confunde demais, porém são nessas presas da existência que nossa balança imaginária, entre em jogo, aqueles que lhe eram queridos assumem denovo o seu posto de segurança amigável, os que nunca foram, não sobem no pódio de chegada, os familiares só vem confirmar algo que quase perdemos mas que não esquecemos jamais, sejam boas ou ruins. O bom e o bem mesmo da vida e nos prendermos ou atirarmos nela sabendo sempre que a quem ela pertence e já não desprende é simples e unicamente a nós mesmos, meros mortais, imortais em nossas ignorâncias e desvalores, a voz é corpo mas de forma escrita toma outras dimensões, sensoriais ou atemporais, acabam por fazer parte.

sábado, 18 de julho de 2009

BSB ART




Nunca pensei que em uma simples ida a biblioteca, surtisse um resultado assim!

Parabéns Brasília!


Ah, curtam lá o trabalho dos gêmeos!


segunda-feira, 22 de junho de 2009

Aliviando...

Todo mundo faz merda antes de entrar no banho,
nessa só não dei descarga.


video

All you need is love - Beatles

sexta-feira, 19 de junho de 2009

Respondendo pelos atos

Família reunida, Amigos reunidos,
Felicidade transbordando ou transbordando de felicidade;
Aniversários realmente devem representar algo de muito
importante, sei lá em outra dimensão. Com a mente sempre sã espero assistir a vários anos
nesse corpo carnal que vos escreve.
Felicitações são sempre bem -vindas e por mim muito agradecidas, muito obrigado pelos parabéns, e agora que cheguei tomarei mais cuidado com os degraus!

segunda-feira, 15 de junho de 2009

Obras completas...

(...) As obras de arte não são, em referência à realidade concreta, simples aparências e ilusões, mas, sim, possuem uma realidade mais alta e uma existência verídica. Caso se queria marcar um fim último à arte, será ele o de revelar a verdade, o de representar, de modo concreto e figurado, aquilo que agita a alma humana.

F. Hegel. In: Obras Completas, H. G., vol X

Nu Cine Brasilis

A algum tempo, venho por meio dessa página expor minhas atitudes mentais, pois bem as coloquemos em papel.
No início desse ano de 2009 deparei-me com algo, que para muitos , influenciaria apenas em um quesito; o aumento dos preços, muito se disse e ainda é dito na televisão - objeto que daqui alguns anos não terá mais valia, senão para assisti filme, e é justamente nisso acredito eu em que esta se investindo tecnologia - jornais e principalmente através da nossa internet. Depois de longos devaneios preciosos tive de súbito a certeza de um futuro próspero para a nossa charmosa Terra Brasilis. Inconsientemente durante o nosso dia somos pegos por nossa memória instantanea que nos remotam a experiências antigas, seja através de livros ou principalmente através de filmes. Na infância ainda não tinha adquirido o costume de ler, porém sentia uma enorme vontade, me esforçava para tentar ler as letrinhas amareladas dos filmes que passava de manhã na HBO, com minha tamanha dificuldade atrapalhava a minha tia que tentava assistir inquieta, com minhas constantes perguntinhas sobre a sinopse, me condicionava apenas a saber quem era o branco bonitão, a outra atriz branca e bem produzida, a outra melhor produzida que havia roubado o marido da então rica bonitona e,assim ia, todo mundo muito bem arrumado, tudo muito bem produzido. Diante disso, com os anos pude perceber uma característica marcante que tive como uma das grandes marcas da então hegemonia cinematográfica estadunidense, a edição. Ao longo dos anos o EUA conseguiu demonstrar através de suas películas o estilo de vida e os príncipios de seu país, de forma muito simples é claro. Com interpretações algumas das vezes exageradas, a sétima arte fornecida pelo país conseguia quase que de forma estantânea agradar a todos os públicos,com roteiros simples, beijos ardentes, cenários espetaculares, locações incrivéis, modelos/atrizes belíssimas, tudo em conjunto ficava excepcional! Fica determado ao menos aqui, que nada em vida deve sofrer por parte alguma generalização, chegando assim a ser passível de discriminação, pois sempre há e haverá os que acreditam, os que andam do outro lado da rua os que fielmente procuram e fazem pelo simples gosto de criar. Desses com certeza durante nossa recente história encontramos muitos vindos de lá, o importante agora é crermos que daqui em diante esperamos assistir perplexos aos que calamos durante algum tempo por aqui.
Nova História do Cinema Brasileiro.
#Corta, próximo post!

quinta-feira, 21 de maio de 2009


hú.mus sm sing e pl (lat humus) V humo.#O processo de criação do húmus é chamado de humificação e ocorre naturalmente, sendo produzido através de muito trabalho, pesquisa e seu agente principal a criatividade. Outros agentes externos como a humildade e a disciplina contribuem para a humificação.Na formação do húmus há liberação de diversos nutrientes, mas é de especial consideração a liberação de um grande espetáculo!


Voltaremos para jogar muita merda em cima de tudo, e que com isso só cresça, que germine, que se crie, que ILUMINE!